O leão e o rato

Um Leão dormia na floresta, com sua grande cabeça descansando em suas patas. Um tímido Ratinho se aproximou dele inesperadamente e, assustado e com pressa de fugir, atropelou o nariz do Leão. Acordado de seu cochilo, o Leão colocou sua enorme pata com raiva na pequena criatura para matá-la.

“Me poupe!” implorou o pobre Rato. “Por favor, deixe-me ir e algum dia eu certamente irei recompensá-lo.”

O Leão se divertiu muito ao pensar que um Rato poderia ajudá-lo. Mas ele foi generoso e finalmente soltou o Rato.

Alguns dias depois, enquanto espreitava sua presa na floresta, o Leão foi pego nas malhas da rede de um caçador.

Incapaz de se libertar, ele encheu a floresta com seu rugido raivoso. O Rato reconheceu a voz e rapidamente encontrou o Leão lutando na rede. Correndo para uma das grandes cordas que o prendiam, ele a roeu até que se partiu, e logo o Leão estava livre.

“Você riu quando eu disse que iria recompensá-lo”, disse o Rato. “Agora você vê que até um Rato pode ajudar um Leão.”

image_pdfDownloadimage_printPrint